aplicativo iMuscles 2.226 atletas
2 Curtir
abrir
Receitas saudáveis todos o...
13 Curtir
abrir
Jay Cutler, 4x Mr. Olympia ...
+25 Curtir
abrir
@geisavitorino Receitas sa...
0 Curtir
abrir
Neurologia do Esporte: Aprendendo um pouco mais com seu cérebro sobre MOTIVAÇÃO Um dos meus temas favoritos para falar e escrever na neurologia é sobre a motivação. Eu gosto de falar sobre a motivação, porque é muito pessoal. Todo mundo tem a sua própria marca de auto-encorajamento e determinação. Cada um de nós é motivado um pouco diferente. E mais interessante é abordar esse assunto sobre um aspecto mais cientifico. Resolvi escrever esse assunto sobre motivação, porque ela é a que melhor obriga você ser um fator muito importante para atingir seus objetivos de fitness. Agora o importante nesse momento é fazer a seguinte reflexão: como você lida com esses tipos de motivação? São seis tipos que irei descrever e você vai perceber que pode cair em mais de uma categoria, o que é uma coisa boa! Você pode usar várias técnicas para garantir que você faça durante estes dias difíceis e que precisa avançar para coisas maiores e melhores. Conquista São as pessoas que são motivadas por realização, desejo de melhorar suas habilidades e provar sua competência para si e para os outros. Pode ser um desejo interno de lutar pela realização pessoal ou uma busca de feedback positivo ou reconhecimento dos outros. Em tempos de redes sociais, se tornou bem constante, e por isso iniciei por ela. Se você está motivado pela conquista e reconhecimento dos outros, deve mudar seu foco de atuação e amarrar suas metas para algo pessoal como ser saudável e apto para a sua família. Todos nós queremos se sentir como uma boa mãe ou pai e certamente nunca é demais para chegar afirmação de outros que vêem nos alimentando nossas crianças opções saudáveis ââe ficar ativo. Do contrario se o cerebro perceber que ele não está trabalhando para você, e sim para os outros haverá momentos de quebras de treinos e dietas. Treine e faça tudo para você! Se você está mais motivado intrinsecamente a tirar fotos de si mesmo regularmente para que você possa compará-los e ver os resultados, isso é ótimo, melhora a auto-estima e estimula a area do cerebro da recompensa ? o sistema mesolímbico. Quando você faz notar mudanças, ter um momento para refletir e relaxar na glória. Permita que o seu sucesso para motivá-lo a mudanças futuras! Crescimento Ninguém quer se sentir estagnado ou preso em sua situação. O desejo de crescimento pessoal e mudança pode ser um grande ponto motivador. Sua motivação para a mudança pode estar relacionada com a aptidão. Você já não quer ser sedentário, quer se livrar do excesso de peso, ou se sente ?muito fino?. Você quer mudar seu estilo de vida, se sentir melhor sobre si mesmo, e descobrir uma nova identidade. Se você está pronto para mudar quem você é, começar a identificar-se como o que você quer ser: um ciclista, um corredor, um fisiculturista, ou um dançarino. Diga às pessoas que é quem você é. E enfrente os preconceitos, que ditam padrões esteticos. Isso faz um bem danado para o cerebro, porque libera dopamina no seu organismo, e gera bem-estar. Mas, tem que ser algo de dentro para fora e verdaeiro, não adianta só fingir na rede social. A partir daí, a sua nova auto-identificação se torna uma profecia auto-realizável. Você liga para o que você quer ser! Outra ótima maneira de usar a motivação de crescimento é de olhar para o seu treino como uma pausa, um tempo para se concentrar em si mesmo, sem qualquer trabalho ou filhos para interrompê-lo. Tempo pessoal é tão importante para o seu próprio bem-estar. Pensando em seu treino como pessoal, e, portanto, como uma forma de melhorar a si mesmo irá ajudá-lo a manter seus treinos. Poder Se você está motivado por poder, isso significa que você quer controlar sua própria vida. Você quer determinar o resultado e, portanto, mais orientado para criar o resultado que você quer. Se isso soa como você é hoje, você pode aproveitar o seu desejo de controle, definindo metas atingíveis cada vez maiores. Mais importante do que estabelecer uma meta principal para perder 40 quilos de uma hora para outra, isso deve ser definido semanalmente e criando metas mensais para aumentar suas repetições ou peso e/ou aumentar o seu cardio. Também aja inteligentemente para começar com metas viaveis, senã seu cerebro pode se sentir frustrado, e estimular areas que podem te colocar para baixo, colocando tudo a perder. Então, em vez de definir a meta de ir para a academia todos os dias, estabelece a meta de treinar três vezes por semana no inicio do seu processo. Definir metas atingíveis, metas realistas ajudará a capacitá-lo a ter sucesso.Outra maneira de explorar o aspecto do poder da motivação é variar sua rotina e escolha o que você quer e gosta de fazer. Fazendo os mesmos exercícios e rotinas de uma hora para outra pode ser monótono e muitas vezes pode levar a platôs de momentos sem fazer nada. Você também pode manter um diário sobre o que você usa nos pesos de cada treino e o quanto você aumenta a cada semana. Isso o motiva, e melhor motica seu cérebro. Social A motivação social pode ser extremamente eficaz, especialmente com tantas plataformas de mídia social. Com um desejo de pertencer ou para chamar a atenção de alguém especial, as pessoas costumam usar as afirmações de outras pessoas para motivá-los ainda mais. Algumas pessoas que estão motivados socialmente também gostam de usar seu sucesso para incentivar outras pessoas a fazer mudanças positivas de seus próprios. Se você está motivado socialmente, encontrar um amigo para treinar com ele. Não há nada como uma competição amistosa para estimular um bom treino. Você também pode considerar se juntar a uma aula de ginástica, para fazer seu cardio. A camaradagem que você desenvolve com os seus colegas de classe é uma ótima maneira de mantê-lo lá e você voltar. Medo Algumas pessoas são motivadas por medo das consequências. Este tipo de motivação pode ser eficaz, mas também pode ser um pouco exagerado. Se você gostaria de ter consequências associadas a um objetivo, ir a público com suas metas de fisiculturismo e publicá-las em mídias sociais. O medo de decepcionar os outros ou em público não é muitas vezes suficiente para mantê-lo no treino e na meta. Se você se encontrar neste tipo de motivação, e achar que é eficaz para você, você pode querer pensar como se inscrever para um evento como uma competição de bodybuilder, ou uma maratona. Junto com o pagamento de uma taxa de entrada, o medo de pisar no palco ou um mau desempenho, só poderia ser o impulso que você precisa. Comprar roupas de ginástica extravagantes e contratar um treinador também pode jogar a favor deste tipo de motivação. O medo de perder o dinheiro pode realmente mantê-lo voltando para a academia, é assim que seu cérebro reage nesses casos. Incentivo Incentivo e motivação envolve recompensas para você e para o seu cérebro. Sabendo que que há uma recompensa para enfrentar seus objetivos, e isso pode fazer toda a experiência mais divertida e emocionante. Talvez o incentivo é a tão esperada férias? Você poderia pagar-se depois de cada treino completo. Sabendo que que há uma recompensa para enfrentar seus objetivos de treino duros e dieta, pode fazer toda a experiência mais divertida e emocionante. Outro incentivo que muitas vezes é o preferido para muitas pessoas é uma noite para jantar fora sem se preocupar com caloria- o tal do dia do lixo. Eu recomendaria apenas fazer isso uma vez por mês, você não quer esmagar o valor de uma semana de trabalho duro em uma única sessão, né? http://www.muscles.com.br/_colunistas/leandro-rhein/colunas/neurologia-do-esporte-aprendendo-um-pouco-mais-com-seu-cerebro-sobre-motivacao/
0 Curtir
abrir
Quer saber o que o Arnold Schwarzenegger anda fazendo? Visite a página dele na revista: http://www.muscles.com.br/fisiculturistas/exterior/masculino/arnold-schwarzenegger/
0 Curtir
Faça para o almoço! ...
0 Curtir

Seja um Colunista Muscles ...

0 Curtir
abrir
Como nosso cérebro nos ajuda a retomar o controle Quando o assunto é a retomada aos treinos mais pesados, ou a dieta para competições ou emagrecimento, a tendência é sempre se inspirar na rotina dos grandes ídolos, mas seria isso o melhor molde para nós? Ainda mais se você tiver alguma tendência do comportamento ao vício, isso pode ser um problema. Ok! O que podemos fazer? Usar nosso cérebro ao nosso favor. Falando em exercícios especificamente, no âmbito neurológico, a quantidade de exercício que você necessita depende muito do volume e intensidade em que você os faz. E a velha máxima de exercícios aeróbicos, três vezes por semana para a prescrição a um sedentário, é só o começo, e isso tem que ficar claro ao aluno/paciente. Depois de um tempo o cérebro faz com que o corpo e os músculos se acostumem. O cérebro adora mudança e odeia rotina, e rapidamente se adapta. E que gosta de rotina? Se fossemos discutir bioquimicamente e numa linguagem mais técnica-científica íamos ver que o melhor seria fazer exercícios físicos pela manhã, pois o cérebro está mais ?preparado? para essa façanha. O importante mesmo é façamos, nem que você faça um ?aeróbico? para relaxar após o serviço, no lugar da tradicional cervejinha. São trocas do bem. Recentemente na minha rede social propus essa #trocadobem. O que mais nós vemos nas academias é as pessoas super empolgadas nas primeiras semanas, se matriculando em todas as aulas e fazendo treinos resistidos todos os dias. O grande desafio é manter esse ?pique? por muito tempo. Devemos tomar cuidado para não exagerar no começo e realmente fazer algo que possa manter no longo prazo. Rotina é um veneno para o cérebro; para ele tudo que é previsível é fadado à derrota, uma vez que o excesso de previsibilidade subutiliza o poder do córtex cerebral de formar novas associações (novas conexões neuronais ? o que significa aprendizado). Enquanto que, tudo o que é novo para o cérebro, estimula a comunicação entre os neurônios. Quanto mais opções você tiver, maior a chance de continuar a se exercitar ao longo da vida. O primeiro de tudo é adaptar-se, e adaptar o cérebro para as novas atividades, isso pode levar até semanas. Se você ainda não desenvolveu o habito do exercício, talvez seja útil ir treinar com uma companhia, para a estimulação da área de sociabialização cerebral poder atuar melhor. Muita gente pensa no exercício só como um exterminador de calorias, ou como um meio de emagrecer. Se você programar seu cérebro para agir assim, você estará programando-o para um enfadonha missão, que o levará a rotina e ao tédio. Vale lembrar que os exercícios vão muito além desse pensamento. A dopamina produzida durante o exercício se conectará aos receptores e assim amenizará a fome psicológica que nos faz engordar. Com o tempo a atividade produzirá mais receptores D2 (receptor D2 de dopamina) e restaurará o equilibrio no sistema de recompensa. Para uma pessoa que tenha uma imagem corporal negativa, mudar o foco do corpo para o cerebro pode ajudar num processo poderoso de estímulo e na motivação. O exercício físico não é necessariamente a cura para problemas psicológicos de baixa-motivação, ou afins, mas é o único tratamento que conheço que funciona de cima para baixo e de baixo para cima, reprogramando o cérebro para evitar o padrão de vícios e rotinas que nos impomos. Faça o seguinte,te convido ao seguinte: Tente, talvez você vicie. Prof. Leandro Rhein é Coordenador de Pós-Graduação na Universidade Braz Cubas. Neurorreabilitador Visual. Mestre, Doutor e Pós-Doutor em Neurofisiologia. Autor de 11 livros na área de Neurologia da Visão e Optometria. Também é Sociólogo e discente de Educação Física. Iniciou uma Reeducação alimentar e atividade física em 2012, após ter lutado por vários anos contra um câncer de intestino, e emagreceu 30 kg, saiu do sedentarismo a prática de Triathlon e Musculação. Com incentivo de sua amiga Alcimara, pretende um dia quem sabe se tornar um Bodybuilder. http://www.muscles.com.br/_colunistas/leandro-rhein/colunas/como-nosso-cerebro-nos-ajuda-a-retomar-o-controle/
0 Curtir
abrir
Treino de abdômen Larissa Reis http://instagram.com/p/ux6e3lHES7/
abrir página Muscles
21.062 atletas
seja mais um
Colunistas
Leandro Rhein
Neurocientista
Wagner Rocha
Prof. de Educação Física
Rosana Muchailh
Fisioterapeuta
Juliano Cardoso
Fisiculturista

#davanamedina
campeãs do bikini, figure, fitness e women's physique olympia:

Frete grátis, 10x sem juros e até 10% de desconto! CONFIRA
Weight Gainer Hardcore - Muscletech

Frete grátis, 10x sem juros e até 10% de desconto! CONFIRA
Lipo 6 - Nutrex

Frete grátis, 10x sem juros e até 10% de desconto! CONFIRA
Myoplex Original (Ready to Drink) - EAS
Atleta Gourmet
seja nosso parceiro

ZMA


Ranking | 13 Votos | Votar







ZMA é uma formula mineral anabolica cientificamente desenvolvida. Ela contém zinco, magnézio e vitamina B-6, e é um produto totalmente natural que os ensaios clínicos sugerem que podem aumentar significativamente os níveis de hormônios anabólicos e de força muscular em atletas em treinamento.

Há grandes evidências científicas do suporte de ZMA. O zinco e o magnézio se esgotam geralmente em seu corpo. Estudos sugerem que a suplementação com 30 mg de zinco e 450 mg de magnézio por dia pode elevar os níveis de testosterona.

O mais falado é o estudo a seguir: Lorrie Brilla, PhD, pesquisador da performance esportiva da Western Washington University, recentemente informou que ZMA aumenta significativamente os níveis de testosterona livre e da força muscular em jogadores de futebol do NCAA. Estes resultados do estudo com ZMA foram apresentados por Dr. Brilla em 2 de junho de 1999, na 46ª reunião anual do American College of Sports Medicine, em Seattle, Wa, e foram publicados no jornal oficial ACSM, Medicina e Ciência no Esporte e Exercício, Vol. 31, No. 5, Maio de 1999.

Especificamente, Brilla relatou que um grupo de jogadores de futebol competitivo do NCAA que tomou ZMA todas as noites durante um programa de treinamento de oito semanas tiveram 2,5 vezes maior ganho de força muscular em comparação com um grupo placebo. (Resultados 250% melhores!) pré e pós medições de força nas pernas foram feitas utilizando um dinamômetro isocinético Biodex. A força do grupo que suplementou com ZMA aumentou 11,6% em comparação com apenas um aumento de 4,6% no grupo placebo.

Brilla explicou ainda: “O aumento da força muscular pode ter sido mediado pelo aumento do hormônio anabólico no grupo que suplementou com ZMA. O grupo ZMA tiveram aumento de 30% no total de testosterona livre em comparação com os níveis do grupo placebo... O grupo ZMA também teve um ligeiro aumento no insulin-like growth factor-1 (IGF-1) em comparação com os níveis do grupo placebo que teve diminuição de 20%. Este estudo mostra que o hormônio anabólico aumenta a força muscular e podem induzir atletas já formados usando uma suplementação com ZMA”.

Muitos outros estudos têm mostrado os mesmo resultados! Os culturistas de todo o mundo estão vendo melhores ganhos do que nunca. Não há dúvida sobre isso, ZMA tem pesquisa científica e evidências reais antes alcançados apenas pela creatina. E a NFL tomou conhecimento!

Outro benefício é que você dorme melhor. ZMA deve ser tomado 30-60 minutos antes de deitar. A maioria das pessoas percebem que podem cair no sono profundo e então dormir melhor. Não se serpreenda se você começar a ter sonhos mais vívidos, administrando ZMA.

Qualquer fisiculturista pensando em ganhar força, aumentar o desempenho atlético e, massa muscular devem tomar ZMA. Há muitos estudos que sugerem que a maioria dos atletas são deficientes em zinco, magnésio e vitamina B-6. Esta não é uma boa para qualquer atleta! O efeito de depleção de zinco sobre a função do músculo foi testado em oito indivíduos do sexo masculino. Este estudo sugere que a resistência muscular ou, a capacidade de treinamento total, diminui rapidamente com a depleção aguda de zinco e o grau de redução é correlacionada com a redução da concentração de zinco no plasma. Muitos outros estudos sugerem que depois de regular os níveis de zinco e magnézio em atletas que exercem exercícios intensos aumenta a performance.

A dosagem e a proporção é muito importante. Você não pode simplesmente pegar um multi-vitamínico para obter estes resultados. A maioria dos produtos de sucesso são os ZMA: Vitamina B6 11 mg, Magnésio 450 mg e zinco 30 mg. Estes produtos são totalmente naturais e que não existem efeitos colaterais conhecidos. É seguro para homens e mulheres.



- - - - - - - - - - Procurar por: ZMA - - - - - - - - - -


Ruptura do músculo peitoral maior em atletas
>> Rosana Muchailh
Colunista de Fisioterapia
Oito casos de ruptura do músculo peitoral maior (MPM) em atletas do sexo masculino, cinco tratados cirurgicamente e três de forma não operatória, diagnosticados por meio da anamnese, do exame físico e dos... Ver mais
Suplementos Alimentares
seja nosso parceiro

@mrojaycutlerofficial
campeões do mr. olympia:
Qual é a melhor Whey Protein?

Frete grátis, 10x sem juros e até 10% de desconto! CONFIRA
Lean Body Original (20 packs) - Labrada

Frete grátis, 10x sem juros e até 10% de desconto! CONFIRA
Power Jack 3D - Power Supplements

Frete grátis, 10x sem juros e até 10% de desconto! CONFIRA
100% Beef Aminos - Universal
YouTube
hiperdandan
@MrOlympia08
Instagram
#fisiculturista





Comentários sobre ZMA
Deixe seu comentário ou adicione conteúdo.
Seja o primeiro a deixar um comentário ou conteúdo sobre ZMA.

Deixe seu comentário ou adicione conteúdo sobre ZMA
Nome

Email (opcional)

Estado

Cidade
Aguarde, carregando...
Comentário/Conteúdo


Links externos

Título do site max: 30
Url ex: http://www.


. Animal